Superar as ciberameaças de 2019

Cibersegurança Notícias Opinião

Por  Luis Polo, Diretor Comercial, Dynabook Portugal e Espanha

A evolução tecnológica tem vindo a aumentar o trabalho mobile. Uma investigação recente da Microsoft refere que apenas 11.4% dos trabalhadores europeus sentem-se altamente produtivos no local de trabalho e com a chegada do 5G o trabalho móvel será mais comum. No entanto, apesar de ser importante dar flexibilidade de trabalhar de forma remota, também deve-se lembrar que há mais oportunidades para falhas de segurança.

Ao adotar este modo de trabalho as empresas devem ser cautelosas quanto ao papel da tecnologia. Pois com tantos dados disponíveis e fulcrais para o trabalho diário das empresas, o custo de qualquer falha de segurança pode sair muito caro. Os cibercriminosos têm evoluído constantemente, utilizando armas mais eficazes para atingirem as empresas e ficarem um passo à frente. Como indicado no SonicWall Cyber Threat Report de 2018, viu-se um aumento de 101,2% em ciberataques e variantes de malware. Por isso, 62% dos líderes de TI da Europa consideram a segurança de dados uma prioridade de investimento.

Os dispositivos são a primeira linha de defesa das empresas e quando se descura os computadores, os dados ficam expostos. É importante garantir que as soluções de segurança estão sempre atualizadas e que os dispositivos têm recursos biométricos em conjunto com soluções de encriptação de dados. Com estas barreiras, as ferramentas de acesso remoto e limpeza são importantes para que as equipas de TI removam ficheiros e dados dos dispositivos. Além destas soluções, os funcionários também devem ser instruídos a adotarem métodos certos para identificarem e mitigarem possíveis ataques.

A adoção do IoT está a aumentar a necessidade de políticas de proteção de dados rigorosas. Especialistas em segurança como a Avast estão a chamar o IoT como um campo de batalha chave em 2019 à medida que a sofisticação nesta área aumenta e as empresas precisam considerar novos métodos de segurança. Uma das abordagens é a solução de mobile edge computing que prepara o caminho do IoT para ser utilizado na empresa e também garante que seja feito de forma segura.

Com o cenário de ameaças cada vez mais diversificado e desafiante, a segurança continua a ser o elemento mais importante na estratégia de TI de uma empresa. Na era da IoT, a evolução dos recursos significa ir além da proteção da rede no seu núcleo, mas também usar hardware e soluções para anular as ameaças em todo o perímetro da rede.