UE: Portugueses são os que têm mais medo de comprar online

Cibersegurança Notícias Retalho

Os portugueses são os que revelam ter mais medo de comprar online devido à preocupação com a segurança da operação, revela um inquérito sobre “Information and Communication Technologies” do Eurostat.

De acrodo com o mesmo estudo, 23% dos portugueses não fizeram compras online em 2019 por terem preocupações relativamente à segurança dos seus pagamentos. A percentagem portuguesa é a mais alta de toda a União Europeia, seguida por Espanha.

Segundo o documento, uma das razões para a não realização de comprar de produtos ou serviços online prende-se com preocupações relativamente à segurança do pagamento e privacidade, nomeadamente uso fraudulento dos dados do cartão de pagamento.

A segurança do pagamento e a privacidade são indicadas por 6% dos indivíduos entre os 16 e os 74 anos em 2019, o que corresponde a uma redução de 1% face a 2017 e 5% face a 2009.

PUB



As preocupações com a segurança do pagamento foram a segunda principal barreira indicada em 2019. Em primeiro lugar surge a preferência do comprador por comprar fisicamente, com 168% das respostas.

Além destas são indicadas questões de falta de skills, confiança no processo de recepção e devolução, ausência de cartão de pagamento e dificuldades da entrega. Razões que desencorajaram cerca de 5% dos indivíduos na União Europeia em 2019.

 

Fonte: Eurostat