CyberSecurityChallengePT leva top 10 nacional a Bucareste

Cibersegurança Notícias

O top 10 do CyberSecurityChallengePT, iniciativa organizada conjuntamente pelo Centro Nacional de Cibersegurança, Instituto Superior Técnico e Universidade do Porto, com apoio da Associação Portuguesa para a Promoção da Segurança da Informação (AP2SI), já é conhecido.

Isabel Baptista, consultora do gabinete do coordenador do CNCS

“Este tipo de jogos fomentam, por um lado, a curiosidade de quem está de fora e, por outro, a curiosidade dos próprios alunos”, disse Isabel Baptista, à Security Magazine. Segundo a consultora do gabinete do coordenador do CNCS, “o objectivo deste CTF é fazer o apuramento para o European Cyber Security Challenge 2019, promovido pela ENISA, ou seja, os 10 melhores jogadores (cinco júniores e cinco séniores) irão representar Portugal, em Outubro, em Bucareste (Roménia)”.

O CTF (Capture the Flag), nome pelo qual é vulgarmente conhecido este tipo de dinâmicas, realiza-se pela primeira vez no CDAYS. A iniciativa decorreu a 26 de Junho, durante oito horas ininterruptas, e contou com a participação de cerca de 30 jogadores. Para a realização deste desafio, o CNCS “associou-se a duas grandes universidades que têm esta vertente – a Universidade do Porto, através do professor Luís Filipe Antunes, e o Instituto Superior Técnico, através do professor Pedro Adão”. A iniciativa contou ainda com o apoio de André Baptista, jovem português que foi distinguido como “o hacker mais valioso do mundo, numa competição internacional em 2018.

Os desafios deste CTF posicionaram-se em três tópicos diferentes – código, ataques web e ataques forenses. “Tudo isto em três níveis diferentes – básico, intermédio e avançado”, explicou Isabel Baptista.

Esta iniciativa enquadra-se num programa de formação e treino mais abrangente que visa capacitar o país de recursos nas áreas da cibersegurança e ciberdefesa, atraindo desde cedo alunos do ensino secundário e superior para estas áreas. Conforme acrescentou Isabel Baptista, “o objectivo deste CTF foi, de alguma forma, promover este tipo de desafios para que a curiosidade dos alunos seja posta à prova e, simultaneamente, tentar que respondam a esses desafios e sigam o caminho da cibersegurança e do IT”.

Os interessados podem ainda aceder ao CTF através do link http://scoreboard.cybersecuritychallenge.pt

 

Top 10

Juniores (1999-2003): José Miguel Marques, Gustavo Duarte, Baltazar Dias, João Pedro Borges e Marcelo Santos

Séniores (1994-1998): Manuel Sousa, Nuno Sabino, João Varelas, Vasco Franco e Manuel Goulão