Caravela e Multicert lançam seguro para protecção de riscos cibernéticos

Cibersegurança Notícias Seguros

As Pequenas e Médias Empresas têm agora à sua disposição um novo seguro para riscos cibernéticos. O Caravela Ciber é o novo seguro da Caravela e da Multicert, lançado recentemente.

O novo seguro permite aos clientes acederem a serviços especializados de apoio técnico para prevenção, defesa e reparação de dados.

Segundo a Caravela, o novo seguro “apresenta soluções robustas de prevenção e disponibiliza uma análise prévia a possíveis ataques cibernéticos que as empresas possam sofrer, com ferramentas que permitem responder e reparar rapidamente os dano”.

A assistência está a cargo da Multicert, 24/7 e a intervenção técnica inclui monitorização, detecção de intrusão e gestão de incidentes, identificação do risco para a organização, avaliação de logs  e endpoints centralizados de firewall, antivirus, proxy, email e active directory.

Para Paulo Cruz, director de marketing e inovação digital da Caravela Seguros, “o cibercrime é uma ameaça potencial para qualquer empresa”. De facto, segundo estudos recentes, estima-se que os custos do cibercrime em todo o mundo já sejam superiores a 2 triliões de dólares. Por isso, o Caravela Ciber vem dar respostas a estes desafios colocados pela transformação digital, aliando um seguro de coberturas abrangentes para riscos cibernéticos a um serviço especializado que reforça a prevenção e defesa de sistemas dos nossos clientes e intervém em caso de sinistros para uma rápida reparação de danos”.

 

  “Os ataques cibernéticos são uma realidade com que que as empresas têm de lidar e este panorama só tem tendência para se agravar no futuro. É fundamental que as empresas encontrem um parceiro que tenha os recursos que lhe permitam responder e reparar rapidamente os danos, de modo a não perderem informação crítica e a poderem retomar rapidamente as operações das suas empresas. Essa é a oferta do Caravela Ciber, que assegura 24 horas por dia, 7 dias por semana, a assistência especializada dos técnicos da Multicert”, referiu Jorge Alcobia, CEO da Multicert.