Eurotux implementa projecto no Reino Unido

Notícias

A Eurotux foi seleccionada para um projecto de implementação de uma pipeline CI/CD, para um cliente localizado em Londres, Reino Unido. 

Como explica a empresa, “as organizações que pretendem maior controle, menor time-to-market e maior qualidade das entregas de software têm optado por implementar pipelines CI/CD, cada vez mais com a filosofia devops”.

  1. Continuous Integration (CI): os programadores criam novas funcionalidades ou alteram as existentes, sendo as mesmas testadas automaticamente com a frequência que se pretende.
  2. Continuous Delivery (CD): em resultado da execução com sucesso de baterias de testes (unitários, de segurança, etc), o código é submetido ao repositório, ficando pronto para ser colocado em produção. O objectivo desta fase é assegurar que exista sempre código validado e preparado para entrar em produção.
  3. Continuous Deployment (CD): consiste na colocação em produção da nova versão da aplicação, devidamente enquadrada com parâmetros infra-estruturais, de forma automática e controlada.

Com todo este processo automatizado (incluindo os testes), as alterações realizadas pelos programadores “podem ser colocadas em produção mais rapidamente, em muitas situações múltiplas vezes durante um dia”. Assim, diz a Eurotux, “é possível reduzir o risco, ao publicar pequenos segmentos de código em vez de grandes alterações, e realizar entradas em produção com menor disrupção em termos da funcionalidade global da aplicação”.

“A conquista deste projecto demonstra novamente a confiança, transparência e fiabilidade que a Eurotux tem entregue ao seus clientes, durante estes 20 anos, em Portugal e no exterior”.