Contenur centraliza cibersegurança com Sophos

Cibersegurança Notícias

O fabricante de contentores de resíduos Contenur implementou soluções de protecção de endpoints e de rede, unificando a segurança de todos os seus sistemas e simplificando a sua gestão. O projecto foi desenvolvido pela Sophos.

A Contenur foi fundada em 1984 em Espanha e chegou a Portugal nos anos 90. Hoje conta com 13 escritórios em Portugal, Espanha, Itália, França, Reino Unido, Alemanha, República Checa, Polónia, Marrocos, Singapura, Brasil, Colômbia e Argentina.

De acordo com a informação divulgada pelo site espanhol “Interempresas”, o departamento de TI da Contenur, consciente da importância de contar com sistemas de segurança eficientes, decidiu reorganizar os seus sistemas, tendo em vista a cobertura das suas necessidades.

Devido à sua dispersão geográfica e aumento da complexidade da operação, a empresa contava essencialmente com operadores locais e infra-estruturas de comunicações diferentes de local para local, implicando um controlo exaustivo das diferentes equipas.

Ao mesmo site, António Gómez, director de TI da Contenur, explica que “nos últimos anos a explosão do uso de dispositivos móveis e o acesso a dados corporativos à cloud estava a gerar um grande problema de segurança”.

O projecto com a Sophos contou com fases distintas que abarcaram desde a segurança perimetral até à protecção do utilizador final e a integração dos distintos sistemas da empresa.

A Contenur implementou o Sophos Endpoint Protection, protegendo os dispositivos dos utilizadores de todas as localizações, proporcionando uma segurança de última geração, capaz de detectar comportamentos suspeitos ou maliciosos. A solução de protecção não só detecta e elimina automaticamente o malware como isola os dispositivos afectados para evitar a propagação do ataque pela rede.

Gostou deste artigo? Subscreva a nossa newsletter semanal