Exclusive Networks integra Varonis no portfolio

Cibersegurança Notícias

 A emergência de saúde resultante do COVID-19 forçou muitas empresas a adoptar o teletrabalho à pressa, colocando os seus dados em risco. Para ajudar essas organizações a manter as suas informações protegidas contra ataques internos e ameaças cibernéticas, a Exclusive Networks, distribuidor especializado em cibersegurança, redes e infraestruturas, tem no seu portfólio a Varonis Systems, empresa de segurança e análise de dados.

“A crise do coronavírus representa uma tempestade perfeita para pessoas mal intencionadas. As rotinas foram alteradas, os colaboradores ficam longe do ambiente de trabalho e muitos trabalham com dispositivos pessoais sem patches. As empresas devem arcar com a carga, com a definição, implementação e aplicação de políticas específicas que lhes permitam manter os seus dados seguros. Mesmo que eles tenham as mais fortes fechaduras virtuais nas suas portas, basta um funcionário abrir a porta para uma violação ou ataque cibernético”, de acordo com Elizabeth Alves, Sales Manager da Exclusive Networks Portugal.

Dados não estruturados são um activo extremamente vulnerável e podem ser encontrados em qualquer lugar. Em média, um em cada cinco arquivos corporativos acaba a ser acessível a todos os funcionários. Nesse contexto, “qualquer executivo deve estar ciente de que um trabalhador pode aceder a mais de 17 milhões de arquivos, quando a verdade é que ele não precisa de tanta informação para realizar o seu trabalho”.

“Uma força de trabalho remota é susceptível a todos os tipos de ameaças externas, mas também a desafios internos. Um funcionário aparentemente bem-intencionado pode usar ferramentas de terceiros, não autorizadas pela sua empresa, para partilhar informações protegidas, colocando em risco informações confidenciais”, acrescenta Elizabeth Alves. “Para controlar essa situação, as empresas devem monitorizar os funcionários que instalam, acedem e usam ferramentas e serviços não oficiais. Dados não estruturados são um activo extremamente vulnerável e são encontrados em todos os lugares.”

A Varonis analisa o comportamento de pessoas e máquinas que acedam a dados, alertam e executam respostas poderosas e automáticas ao mau comportamento e aplicam um modelo de menor privilégio.